17 C
Santo André
sábado, maio 25, 2024
HomeNoticiasSerá mesmo que a preservação do meio ambiente é tão importante assim?

Será mesmo que a preservação do meio ambiente é tão importante assim?

Você já parou para pensar que talvez essa história de preservação do meio ambiente pode ser só “conversa”? Para o empresário e amante da natureza, Julio Cesar Hintemann Filho, esse tipo de pensamento é o que mais destrói o meio no qual vivemos, afinal, muito se fala sobre a importância dos cuidados com o nosso planeta, mas a verdade é que poucas pessoas colocam essas ações em prática.

Só nos últimos anos, o índice de desmatamento cresceu em quase 30%, enquanto o consumo desenfreado das pessoas subiu pela quarta vez só esse ano no Brasil. Ou seja, será que dá para colocar na balança e perceber que essa forma despreocupada de pensar é realmente comum? Mas, você já se perguntou quais são os prejuízos que estamos causando a longo prazo? Saiba agora quais são eles.

Amazônia pode se tornar a principal emissora de carbono

Primeiramente, falando da pouca importância que damos à preservação do meio ambiente, você já imaginou um dia acordar e perceber que a Amazônia se tornou a principal emissora de carbono? Conforme comenta Julio Cesar Hintemann Filho, isso pode vir a se tornar uma realidade, e para dizer a verdade, uma realidade que não está longe. Tudo isso vai depender das nossas ações.

Extinção das espécies mais importantes para a fauna 

Além disso, juntamente com o desmatamento da Amazônia e outros lugares do país e do mundo, há a extinção dos animais, já que quanto mais os problemas com o ecossistema se desenvolvem, menos animais deixam de existir. Essa destruição impossibilita a vida de alguns animais, e isso ocorre, principalmente, por causa do aniquilamento de seus habitats naturais.

Aumento dos níveis do mar causando a destruição das casas

Conforme comenta o defensor de boas práticas ambientais, Julio Cesar Hintemann Filho, por causa da sociedade de consumo que existe um maior nível de derretimento do gelo da Terra. Por ano, 3 milímetros aumentam, ou seja, o que será que vai acontecer daqui há algum tempo sem a preservação do meio ambiente? Possivelmente, as pessoas que vivem nas regiões próximas ao mar perderão as suas moradias.

Destruição dos biomas

Por fim, como já mencionado, a destruição dos biomas é uma das consequências geradas pelos descuidos com o nosso biossistema, pois onde não há natureza, não há vida, e sem vida, muitos animais e pessoas não conseguem sobreviver. Agora, será que vale a pena tanto descuido para uma situação trágica no final das contas?

Em resumo, ainda que o pensamento sobre a não necessidade de tomar as devidas providências quando se trata de uma sociedade com altos padrões consumistas, é importante salientar os prejuízos a longo prazo que tudo isso poderá levar. Conforme explica o empresário Julio Cesar Hintemann Filho, para que isso não ocorra, é necessária a preservação do meio ambiente.

MAIS LIDOS